atds3_th1Recentemente este blog chegou a orgulhosa marca de 10.000 acessos e estatisticamente o artigo mais lido em todos os tempos é um dos primeiro postados. Justamente sobre esta substância, o ADE, que tem ocupado espaço cada vez maior nas academias.

Desta Forma se faz necessário uma nova explanação sobre o tema para esclarecimento de dúvidas, já que o produto é tão procurado pelos internautas. 

       A “A-D-E Injetável Emulsificável Pfizer” é um remédio de uso veterinário com a função prevenir doenças, carências de vitaminas A-D-E, suprir as reservas vitamínicas em fases difíceis do ano, aumentar a resistência às infecções e auxiliar no tratamento de doenças infecciosas.

     Segundo a bula do remédio o A-D-E Injetável Emulsificável Pfizer é um produto estéril e pronto para uso. Contém as Vitaminas A, D3 e E em quantidades equilibradas, capazes de atender as exigências orgânicas dos animais, constituindo, pois, eficaz tratamento quer curativo, quer profilático, nas hipovitaminoses A, D e E.

            Sua aplicação é recomendada para Bovinos, Eqüinos, Suínos, Ovinos rodrigogr2e Caprinos, destacadamente não recomendada para o uso em Cães e Gatos. Não se faz menção alguma sobre a aplicação em humanos, mas pode se imaginar que o laboratório nunca esperaria que homens se utilizariam de óleo veterinário para satisfazerem suas necessidades estéticas.

            O uso em humanos é motivado por uma resposta fisiológica do corpo que não absorve essa substância e gera uma cápsula envolvendo esse óleo, que consequentemente aumenta o volume do local em que ele foi injetado.

             A ADE, não aumenta força ou volume muscular, de forma sucinta, há simplesmente um aumento volumétrico de uma estrutura por conta de uma resposta defensiva do corpo, tentando preservar a homeostase.carlaotd42
          O uso prolongado em seres humanos causa hipervitaminose e o local onde o óleo foi injetado corre o risco de necrosar. Definitivamente uma triste opção.

 

 

 

 Rafael de Souza

 

 

About these ads